Luanda: Tribunal começou a julgar um homem que matou a própria mãe por causa de uma herança

Avatar By Redacao Jul 10, 2024
Escrivão de Tribunal Detido

O Tribunal da Comarca de Luanda (TCL) está a julgar um homem de 43 anos que, em Agosto de 2023, matou a própria mãe e escondeu o corpo dentro de um tanque de água na residência onde vivia, que pertencia à progenitora, no bairro do Prenda, no distrito urbano da Maianga, município de Luanda, soube o Novo Jornal.

Segundo a família, o cidadão, que queria herdar a casa, agredia fisicamente a mãe, de 66 anos,.

Depois de ter matado a mãe, o filho atirou o corpo dela para o tanque de água onde permaneceu durante dois dias. O caso aconteceu na Rua Sagrada Esperança, próximo do Laboratório de Engenharia, em Agoste de 2023.

O corpo foi descoberto pelo genro da mulher, vizinho da vítima, quando foi a casa da sogra buscar água para regar as plantas, como descreveu o próprio ao Novo Jornal, na ocasião.

Edson Arnaldo, genro da vítima, declarante no processo, contou que tão logo chegou a casa da sogra notou que o cunhado ficou muito estranho com a sua presença no quintal e não quis que ele abrisse o tanque, o que levantou suspeitas.

Após este ter denunciado o caso ao SIC, uma equipa de investigadores deslocou-se à residência da vítima, onde, no tanque de água, encontrou o corpo da mulher com sinais de tortura e já sem vida. In NJ