FPU aceitou resultados eleitorais devido pressão internacional, diz Chivukuvuku

Avatar By Redacao Jun 6, 2024
Chivukuvuku pode integrar UNITA após chumbo do TC a recurso do PRA-JA – especialistas

O coordenador do projecto político PRA-JA, Abel Chivukuvuku, disse durante uma entrevista à RTP África que o desejo dos líderes da Frente Patriótica Unida, Adalberto Costa Júnior e Filomeno Vieira Lopes, é de reformular, reforçar e alargar a FPU.

Chivukuvuku justificou, por outro lado, que a FPU ganhou as eleições de 2022, mas “aceitaram ficar na oposição por causa da pressão internacional”.

Enquanto isso, o 1º Secretário do MPLA em Luanda, Manuel Homem, apelou aos militantes do partido que sustenta o governo, através de uma mensagem na página do Facebook, apoio ao líder do partido.

“Nós elegemos o Camarada Presidente João Lourenço e é nosso dever defendê-lo em todas as circunstâncias”, escreveu.

Sobre a matéria, o cientista político Eurico Gonçalves entende que um partido político com vigor como o MPLA deve manter este pensamento para manter a sua reputação, para consolidar os desafios que se avizinham. In CK