A Crise do Desemprego em Angola: Um Chamado à Acção na Celebração do Dia do Trabalhador

Avatar By Redacao Mai 1, 2024
A Crise do Desemprego em Angola

Angola, uma nação marcada por promessas vãs e políticas ineficazes, enfrenta uma crise devastadora de desemprego que assola suas famílias e economia. As estatísticas sombrias revelam uma realidade cruel: o índice de desemprego atinge níveis alarmantes, deixando uma nuvem de incerteza sobre o futuro do país.

Na campanha eleitoral de 2017, João Manuel Gonçalves Lourenço alimentou esperanças ao prometer quinhentos mil novos postos de trabalho, tanto no setor público quanto no privado. Contudo, essas palavras caíram no vazio, enquanto a população enfrenta uma crise sem precedentes. Centenas de empresas fecharam suas portas, vítimas de políticas governamentais falhas que resultaram em uma inflação descontrolada e escassez de divisas. As taxas aduaneiras exorbitantes estrangularam os pequenos empresários e empreendedores, agravando a desigualdade e alimentando a desesperança.

Desde o início do mandato do Presidente João Manuel Gonçalves Lourenço, testemunhamos despedimentos em massa, deixando milhares de trabalhadores desamparados. Esse desespero se traduz em um aumento preocupante da criminalidade, divórcios, evasão de responsabilidades paternas e uma onda de emigração para países europeus e além.

Diante desse cenário desolador, é imperativo que a juventude angolana se una em solidariedade e resistência. Não podemos mais tolerar a má governação e as promessas vazias do MPLA. O Dia do Trabalhador não pode ser apenas uma data de reflexão, mas também um chamado à ação para exigir mudanças concretas em prol do povo angolano.

Basta de dívidas externas que sufocam nossa economia! Basta da falta de serviços básicos, como energia elétrica, água potável, habitação, saúde e educação! O povo merece mais do que promessas não cumpridas e políticas fracassadas.

Portanto, ergamo-nos juntos em solidariedade e determinação. Exijamos responsabilidade dos nossos líderes e lutemos por um futuro digno e próspero para todos os angolanos. Abaixo a má governação do MPLA! Fora MPLA! Que este Dia do Trabalhador seja um marco na nossa luta por justiça e dignidade para todos.

In lamúrias del patriota Ukwanana
O porta voz de quem não tem voz.