Malanje: Detidos directores de três escolas por cobrarem dinheiro de forma ilegal aos estudantes

Avatar By Redacao Ago 7, 2023


O serviço de Investigação Criminal em Malanje (SIC) deteve alguns directores-gerais, sub-directores e um secretário nas escolas Ngola Kiluanje, Lucrécia Paim e a Escola Primária Nº120, por cobrarem dinheiro aos candidatos no momento das matrículas
.

O porta-voz do SIC-Malanje, Augusto Barros André, contou ao Novo Jornal que “as matriculas nestas escolas públicas são gratuitas, razão pela qual ocorreu a detenção destes funcionários”.
O primeiro caso aconteceu na Escola Primária Nº 120, no bairro Camoma, onde o director-geral e o sub-director pedagógico foram apanhados em flagrante a cobrarem 600 a 900 kwanzas a mais de 40 candidatos.
E em sua posse encontravam-se um total de 17 mil Kwanzas que haviam recebido dos encarregados de educação, valores estes que já foram apreendidos.
O outro caso foi na escola Ngola Kiluanje do bairro Campo, onde foram igualmente detidos o sub-director pedagógico e o técnico de secretaria pelo mesmo motivo.
Já no município de Cacuso, na escola do 1º Ciclo Lucrécia Paim, o director-geral e o Sub-director administrativo também foram apanhados no interior da instituição a receberem valores de forma indevida aos estudantes bem como aos encarregados de educação.
Neste processo, foram apreendidos 70 mil kwanzas e vários documentos que se encontravam em sua posse.
Todos estes responsáveis ligados ao sector da educação a nível da província de Malanje, serão encaminhados para o juiz de garantia. NJ