Zaire: Bloco operatório do Hospital Municipal de Mbanza Kongo não funciona há 10 anos por falta de especialistas

Avatar By Redacao Ago 4, 2023


O bloco operatório do Hospital Municipal de Mbanza Kongo (HMMK), província do Zaire, está inoperante há 10 anos, por falta de especialistas. O facto foi revelado esta quinta-feira, 3 de Agosto, pelo administrador do hospital, Manuel Toneca, frisando que a situação se arrasta desde a inauguração daquela unidade sanitária, em 2013.

Defendeu, na ocasião, o recrutamento de pelo menos um especialista em cirurgia, nos próximos concursos públicos no sector da saúde na região.
O Hospital Municipal de Mbanza Kongo tem uma capacidade de internamento de 100 camas e funciona com 87 técnicos, dos quais 12 médicos, cinco em activo e sete em especialização, em Luanda.
De acordo com a fonte, os casos que requerem intervenção cirúrgica são transferidos para o Hospital Provincial do Zaire.
Manuel Toneca apontou a malária como a patologia mais frequente no Hospital Municipal de Mbanza Kongo ao notificar de Janeiro a Junho deste ano, 15 mil e 52 casos positivos, 15 dos quais terminaram em morte.
Comparativamente ao período homólogo de 2022, verificou-se um aumento de 767 casos de malária na aludida unidade sanitária.
Segundo a fonte, houve ainda registo de dois mil e 378 casos de doenças respiratórias agudas, dois mil e 149 casos de anemia, mil e 798 de febre tifoide, mil e 36 de doenças diarreicas agudas e três casos de má nutrição.
Manuel Toneca disse que, no total a unidade sanitária, localizada no bairro 11 de Novembro, atendeu um universo de 28 mil e 338 pacientes no período em balanço. Imparcial Press