Aqui estão as razões da frustação do Dr. José Pedro Katchiungo

Avatar By Redacao Jun 25, 2023

XIII congresso, 

Resultados eleitorais.

1°- Adalberto Costa Júnior.  594 votos (53,4%);

2°- Alcides Sakalas Simões. 422 votos (37%)

3°- José Augusto Abílio Kamalata Numa, 68 votos (6,1%)

4°- Raúl Manuel Danda. 17 votos (1,7%)

5° e ÚLTIMO, José Pedro Katchiungo, com apenas 10 votos ( 0, 9%).


No seu lugar, qual um sentir-se-ia frustrado, porque, na verdade, ninguém gosta de ser kadiuko ( sair em último lugar), quando mais com esses resultados bastante humilhantes de obter apenas 8 votos dos 1011 possíveis. Eu disse apenas 8 porque dos 10 votos 1 é dele próprio e o outro é da sua esposa.

Mas também é preciso perceber que numa competição apenas um/a será campeão/ã, outros ocupam os lugares seguintes, que é do segundo ao último lugar, portanto, se existe o primeiro também tem que existir o último. E qualquer concorrente deve estar preparado para isso.

Aliás, os candidatos que disputaram o cadeirão máximo da UNITA no XIII congresso não foram pessoas quaisquer

O XIII foi disputado pelo Adalberto Costa Júnior, presidente do grupo parlamentar;

Alcides Sakalas Simões, porta-voz do partido;

Raúl Danda, vice presidente do partido;

José Pedro Katchiungo, vice presidente do grupo parlamentar, e;

Pelo renomado general Abílio Kamalata Numa, que também já exerceu as funções de secretário geral do partido.

Portanto, qualquer um estava em condições de ser eleito presidente da UNITA.

E se a maioria escolheu ACJ, para uma pessoa lúcida, isso não seria motivo algum para criar confusão chegando mesmo ao ponto se aliar ao adversário para combater o projeto que você sempre defendeu.

Com esse comportamento o Dr. José Pedro Katchiungo está justificar o porquê que teve apenas 8  dos 1.011 votos possíveis.

Por Caires Ribeiro