Rússia abre processo contra procurador e juízes do Tribunal Penal Internacional

Avatar By Redacao Mar 21, 2023


A Rússia abriu esta segunda-feira, 20, uma investigação criminal contra o procurador-geral do Tribunal Penal Internacional (TPI), Karim Khan. A decisão surge depois do TPI emitir um mandado de detenção contra o presidente russo, Vladimir Putin.
“O Comité de Investigação russo abriu um processo criminal contra o procurador do Tribunal Penal Internacional, Karim Ahmad Khan,” e vários juízes do TPI, com base na decisão “ilegal” e sem fundamento de emitir um mandado de detenção contra Vladimir Putin.
“O processo criminal é obviamente ilegal, uma vez que não há fundamento para responsabilidade criminal”, indicou o Comité de Investigação da Rússia, referindo que os juízes do TPI “emitiram decisões ilegais” para deter o presidente russo e a comissária para os direitos das crianças. ​​
O comité acrescenta que “os chefes de estado gozam de imunidade absoluta da jurisdição de estados estrangeiros”.
​​​​Na sexta-feira, recorde-se, o Tribunal Penal Internacional emitiu um mandado de captura internacional para o presidente russo por crimes de guerra na Ucrânia, pelo seu alegado envolvimento na deportação de crianças de territórios ucranianos ocupados para a Rússia.
Além de Putin, também foi emitido um mandado de detenção para Maria Alekseyevna Lvova-Belova, comissária da presidência russa para os direitos das crianças, por acusações semelhantes às do presidente russo.
Fonte: Correio Kianda