Imani da Silva quebra silêncio: “Fui expulsa do canal ZAP Viva, por ser transexual”

Avatar By Redacao Mar 19, 2023

Após Florinda Miranda falar sobre o assunto aquando das suas declarações sobre Biba, a activista pelos direitos humanos, Imane da Silva, decidiu também pronunciar-se, pela primeira vez, nesta Sexta-feira (17), através das redes sociais e falou sobre o motivo da sua saída do canal ZAP Viva.
Na publicação, Imane da Silva começou por agradecer o apoio que recebe do público e dos mais chegados, em seguida, deixou claro que a Constituição da República de Angola não dá espaço para discriminação, depois enalteceu a coragem da Florinda Miranda por falar sobre o assunto e confirmou as palavras da conselheira matrimonial, segundo as quais, ela terá sido excluída do programa “O que elas Pensam”, do canal ZAP Viva, por ser transexual.
“Passaram 8 anos e a verdade chegou e tal como a Florinda, pelo qual agradeço pela coragem, eu sei que mais pessoas estariam dispostas a confirmar o que muitos já sabem. Pois foram muitas pessoas, inclusive ex-funcionários do canal, que sem que eu muito perguntasse manifestaram sua indignação pela minha saída e contaram o porquê”, lê-se na publicação.
Para terminar, a activista diz não culpar a ZAP e agradeceu a oportunidade que teve, e garante que: “Não nos vão calar e muito menos nos invisibilizar. Diga não ao preconceito e a discriminação”, concluiu.
Refira-se que Imane da Silva é a primeira mulher transexual em Angola.
Fonte: Platina Line