Activistas Gangsta e Hitler Samassuku regozijados com a homenagem no Mural da Cidadania.

Avatar By Redacao Jan 25, 2023
O mural da cidadania homenageia os activistas Gangsta e Hitler Samassuku, e outras referências pelo seu comprometimento com a defesa dos direitos humanos em Angola.

O Mural da Cidadania é um muro nos arredores de Luanda onde estão desenhados alguns rostos de cidadãos, alguns vivos e outros já falecidos. Espaço na Mulemba Waxa Ngola, em Luanda.

O rapper, radialista e activista social Nélson Adelino Dembo, conhecido por Gangsta, é homenageado no Mural da Cidadania ao lado de grandes referências como Rafael Marques, Mwene Vunongue, Cesariana Cutaia.
“(…) Família, fui homenageado com a exposição do meu rosto no Mural Da Cidadania, ao lado dos grandes mestres, este ato visa homenagear os cidadãos que incansavelmente se dedicam à luta pela defesa dos direitos cívicos.” Escreveu Gangsta
Actualmente, Gangsta enfrenta um processo na justiça angolana em que é acusado de vários crimes, entre os quais, o de insultar a imagem do Presidente da República, por ter alegadamente dito que João Lourenço não governa bem, durante uma manifestação apoio ao retorno de Adalbert Costa Jr como chefe da UNITA.
Para o ativista, rapper e político Hitler Samassuku não foi diferente, ele também figura ao lado de grandes nomes, e mostrou sua alegria ao ver seu rosto no Mural da Cidadania por seu comprometimento com a defesa dos direitos cívicos.
“(…) Meu rosto no Mural da Cidadania – iniciativa que visa homenagear os cidadãos que se destacam nas lutas cívicas.” Escreveu Hitler Samassuku
Hitler Samassuku é um activista, rapper e político, que no passado foi detido pelas autoridades angolanas inicialmente acusado de tentativa de golpe de Estado, e posteriormente de actos subversivos contra a segurança do Estado juntamente com outros 16 companheiros, isto no tempo de José Eduardo dos Santo.
Recentemente foi candidato à deputado pela Frente Patriotica Unida na qual fazem parte os partidos políticos União Nacional para a Independência Total de Angola (UNITA), Bloco Democrático e PRA JÁ-Servir Angola.