Tribunal angolano ordena arresto de bens de Isabel dos Santos no valor de mil milhões de dólares

Avatar By Redacao Dez 27, 2022

Supremo Tribunal de Angola deu ordem de arresto a “todos os saldos das contas bancárias de depósitos à ordem tituladas ou co-tituladas” pela empresária.

O Supremo Tribunal de Angola ordenou o arresto preventivo de bens de Isabel dos Santos avaliados num total de mil milhões de dólares, decidindo assim a favor do pedido do Ministério Público.
De acordo com um documento a que o canal teve acesso, a justiça angolana dá ordem de arresto a “todos os saldos das contas bancárias de depósitos à ordem tituladas ou co-tituladas” pela empresária, filha do antigo presidente angolano José Eduardo dos Santos. Algumas contas estão sediadas em países como Moçambique, Cabo Verde e São Tomé e Príncipe.
O Supremo ordenou igualmente o congelamento de 70% das participações da empresa de telecomunicações de Moçambique MSTAR em que Isabel dos Santos “é beneficiária efetiva”, assim como 100% das empresas UNITEL T+ em Cabo Verde e UNITEL STP em São Tomé e Príncipe.
A EMBALVIDRO (100%), UPSTAR Comunicação (70%) e UNITEL International Honding e UNITEL International (ambas 100%) são outras empresas pela ordem do tribunal.
Além dos mil milhões de dólares “que correspondem ao valor das quantias que os arguidos se apropriaram ilicitamente”, a justiça angolana diz terem sido apurados um dano de 1136 milhões de dólares “em sede de outros processos-crimes” em que há indícios de “peculato, tráfico de influência, participação económica em negócio e branqueamento de capitais, previstos e puníveis”.
Segundo o documento, Isabel dos Santos só deverá ser notificada após o arresto.
Fonte: CNN Portugal