Militantes rejeitam indicação de Nelito Ekuikui para liderança da JURA

Avatar By Redacao Dez 16, 2022
Na semana passada, o Correio Kianda tinha noticiado, sobre a pretensão do presidente da UNITA, Adalberto Costa Júnior, em indicar o deputado e secretário provincial de Luanda, Nelito Ekuikui, para assumir a liderança da JURA, o Correio da Kianda apurou, hoje, 16, que várias membros do braço juvenil do “Galo Negro” estão a rejeitar a indicação.

Alguns membros do Comité Nacional da JURA, contaram ao Correio da Kianda, que a intenção do presidente da UNITA em querer levar Nelito Ekuikui a concorrer e substituir Agostinho Kamuango, é ilegal, primeiro, contam, “por não ser membro do Comité Nacional da JURA, um dos primeiros requisitos para se candidatar”.
Ainda, contam eles, “que a sua insistência vai obrigar, mais uma vez, por imposição do presidente Adalberto Costa Júnior, violar os estatutos da JURA”, lamentam.
Para eles, o então deputado e responsável pela vitória eleitoral no círculo provincial de Luanda, “não tem perfil para liderar o braço juvenil da UNITA”, por entenderem ser um dirigente que “não é congregador e o perfil do próximo líder da JURA, deve agregar o sentido de diálogo, humilde, democrata e, por fim, deve defender os interesses da juventude, e não de alguns ‘mais velhos’ do partido”.
Os jovens sublinham que não querem “mais um Agostinho Kamuango, que vem à liderança com agenda dos ‘mais velhos’”. A interferência do partido na decisão do futuro líder da JURA, vai obrigar que o próximo secretário geral, “não seja democrata, virá com imposição, bem como, se tornará um arrogante”, temem.
De recordar, que por decisão dos membros do Comité Nacional da JURA, Agostinho Kamuango tem obrigatoriedade, no prazo de 90 dias, de convocar o V congresso ordinário da organização política. Fonte próxima do braço juvenil da UNITA deu a conhecer que o conclave está agendado para o mês de Março de 2023.
Fonte: Correio Kianda